sábado, 11 de fevereiro de 2012

Chapéu Fedora



De grande sucesso no século XX, a partir da década de 20, o chapéu Fedora, também conhecido como Borsalino, é um tipo de chapéu, feito em regra de feltro e fabricado no formato similar ao chapéu Panamá.

A princípio, Fedora, é um nome feminino russo para "Teodora". Embora não exista uma ligação fática entre a popularidade do chapéu e uma peça teatral, a história conta que o mesmo teve sua popuridade e nome adquiridos a partir da peça teatral de nome "Fédora", de Victorien Sardou, em homenagem a Sarah Bemhardt. Ademais, no início do século XX, o mesmo chapéu causou frisson entre os adeptos da moda nobre devido a ópera por Umberto Giordano, onde Enrico Caruso, no papel principal, utilizava o tão afamado chapéu. A partir daí, este simples acessório de moda, tornou-se símbolo de nobreza e estilo elegante.

Não obstante a origem russa do chapéu, cabe ressaltar que a fábrica italiana de chapéus e acessórios masculinos Borsalinos, reivindica a criação do modelo do chapéu, que tinha sua matéria prima a pele de coelho. Além disso, vale lembrar que no Reino Unido, o chapéu fedora é conhecido como Trilby.
Na década de 40, Hollywood popularizou ainda mais a utilização do chapéu através de suas figuras icônicas como Humphrey Bogart, em Casablanca. No entanto, a indústria do cinema também foi responsável por mitificar, ou melhor, esteriotipar, a utilização deste acessório como símbolo de personagens misteriosos, gângsters e poderosos chefões. Mas ainda assim, tal chapéu nunca deixou de ser clássico e elegante para os seguidores de uma moda que denotava status social.

Nos dias atuais, a moda Fedora retorna para ambos sexos como acessório de estilo e coringa para quem procura inovar no visual. Não importa a estação ou estilo, o chapéu Fedora adequa-se aos mais diversos estilos e versatilidades. Basta usar, ou melhor, ousar no no estilo.

























Eden Lake


Quem realmente gosta de filme de terror sabe que, apesar da grande quantidade de títulos, são poucos os que, de fato, são ótimos. A maioria são produções sem originalidade que seguem sempre o mesmo caminho. Quando o assunto é assustar, as fórmulas são ainda mais batidas. Exagerar no sangue não é difícil, agora criar seqüências tensas de suspense é uma coisa que poucos cineastas conseguem. Fazer as duas coisas, então, é mais raro ainda. Alexandre Aja (Viagem maldita, Alta tensão, Espelhos do medo) é um desses nomes.

Agora o filme que será comentado aqui hoje não é de Aja e sim de James Watkins, figura que demonstrou entender bem do assunto quando escreveu o roteiro de A face oculta do mal e O olho que tudo vê. Ele é também o responsável pela história de Eden Lake e ainda estréia na direção. O resultado é espantoso: o longa-metragem é forte, sombrio e malvado. Não, não é mais um filme. É "o" filme. O longa conta a assombrosa história de um casal formado por Jenny (vivida pela angelical Kelly Reilly, de
Bonecas russas e Orgulho e preconceito) e Steve (Michael Fassbender, de 300).


Ela trabalha como professora em uma escola infantil. Usando vestidos floridos. Uma pessoa realmente do bem e que tem os limites testados quando vai acampar com o parceiro. Steve quer aproveitar o clima e a beleza do lago Eden para propor a moça em casamento. A paisagem é bela e tudo poderia dar certo. Mas eles não contavam com a presença de adolescentes no local isolado.

Encrenqueiros e rebeldes, os antagonistas são o perfeito retrato de uma juventude transviada e sem limites. Algo como os delinqüentes do também britânico filme
Os selvagens. São os chavs aqueles bullies, marginais que tentam se auto-afirmar a todo custo e que inventaram o tal do happy-slapping (bater em alguém, filmar com um celular e distribuir o vídeo entre amigos). Quando o caminho do casal cruza com o desses jovens, o resultado não poderia ser pior. Eden lake tem o mérito de conseguir chocar. Não apenas pela violência explícita, mas pela crueza das situações e a forma realista como tudo é tratado.

Com personagens cativantes e momentos de crueldade e horror, Eden lake é, sem dúvida, um prato cheio para quem quer ver um filme de terror. E não apenas algo sangrento como
A invasora e A fronteira, mas um horror que possui também uma forte carga dramática e psicológica. Destaque para o perturbador final que, com certeza, fica um bom tempo na cabeça de quem assiste.

Eden Lake (Reino Unido, 2008) Dirigido por: James Watkins Com: Kelly Reilly, Michael Fassbender, Tara Ellis, Jack O'Connell, Finn Atkins, Jumayn Hunter, Thomas Turgoose, James Burrows, Thomas Gill, Lorraine Bruce...













 

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Poder Sem Limites - Chronicle


Em Poder Sem Limites, três amigos ganham superpoderes após ingerir uma substância misteriosa. No início, usam estes poderes para brincar com os seus conhecidos, mas com o passar do tempo passam a assumir tarefas mais difíceis, adquirindo um senso de imortalidade e impunidade. A partir daí, são forçados a avaliar conceitos éticos e morais e a traçar o limite para o uso destas novas habilidades.

Poder Sem Limites tem roteiro escrito por Max Landis, filho do diretor John Landis (Clube Dos Cafajestes, Um Lobisomem Americano em Londres). A direção fica por conta de Josh Trank, que estreia no cinema depois de trabalhar na série de TV The Kill Point.

Michael B. Jordan, Michael Kelly, Dane DeHaan, Luke Tyler, Alex Russell, Anna Wood e Ashley Hinshaw estão no elenco. A estreia nos EUA está marcada para 3 de fevereiro. No Brasil, Poder Sem Limites estreia em 9 de março.









Megan Fox


Megan Denise Fox (Oak Ridge, 16 de maio de 1986) é uma atriz e modelo estadunidense. Depois de uma bem sucedida carreira como modelo, em 2001, Fox lançou sua carreira de atriz atuando em um papel de apoio como "Brianna Wallace" em Férias ao Sol, estrelando com Mary Kate e Ashley Olsen. Logo depois ela estrelou em várias séries de TV, incluindo What I Like About You, Two and a Half Men, The Help e Ocean Ave.. Ela também desempenhou um papel recorrente como "Sydney Shanowski" em Hope & Faith.
Em 2004, Fox estrelou ao lado de Lindsay Lohan no filme Confissões de uma Adolescente em Crise. Seus outros filmes incluem A Herdeira da Máfia, Um Louco Apaixonado e Whore. Fox ficou conhecida internacionalmente após interpretar Mikaela Banes, interesse amoroso do personagem de Shia LaBeouf no filme blockbuster Transformers de 2007, um papel para o qual foi indicada e ganhou vários Teen Choice Awards. Ela apareceu na sequência, Transformers: A Vingança dos Derrotados. Seus filmes incluem Jennifer's Body, Jonah Hex e The Crossing.

Megan Fox é descendente de franceses, irlandeses e índios. Seus pais se divorciaram quando ainda era criança, ela e sua irmã foram criadas por sua mãe e seu padrasto, Tony Tonachio. Cresceu em Rockwood, Tennessee. Ela iniciou sua formação no teatro e na dança aos cinco anos, em Kingston, Tennessee. Ela frequentou uma classe de dança no centro comunitário e participou do coral da escola Kingston Elementary School e fez parte da equipe de natação Kingston Clippers. Aos dez anos de idade, depois de se mudar para São Petersburgo, Flórida, Fox deu continuidade a seus estudos. Fox namorou com o ator Brian Austin Green da série Beverly Hills, 90210 e Terminator: The Sarah Connor Chronicles, depois de se conhecerem no set da série Hope & Faith. Foi relatado que o casal tinha terminado a sua relação, em julho de 2008 e em fevereiro de 2009, no entanto, Fox e Brian confirmaram em ambas as ocasiões que os dois ainda estavam namorando, e se casaram no dia 24 de junho de 2010 no Havaí. Eles teriam oficializado a união em uma cerimônia íntima, no hotel our Seasons Resort, e longe da imprensa. Em 15 de junho de 2009, na premiere de estreia de Transformers: A Vingança dos Derrotados no Reino Unido, Fox declarou que estava solteira. No entanto, ela foi vista mais tarde com Brian e os meios de comunicação relatam que os dois estão namorando novamente. Em 24 de Junho de 2010, Megan se casou com Brian numa pequena cerimonia no Havaí.
Fox é muito amiga de Jennifer Blanc e Kellan Rhude e de Amanda Seyfried e Michael Biehn que co-estrelam com ela em Jennifer's Body e da estrela de Transformers, Shia LaBeouf. Fox é fã de gibis, anime e jogos de vídeo game. Ela disse que seu interesse na arte começou quando tinha doze anos de idade, quando ela assistiu Adult Swim na Cartoon Network. Seu artista favorito é Michael Turner, e o trabalho dele que mais admira é o gibi Fathom, que ela descreve como "uma das suas obsessões de longa data". Fox tem dois cães, incluindo um Pomeranian chamado, Sid Vicious, uma homenagem ao ícone punk.
Fox afirmou abertamente que usou drogas. Ela disse ainda que "a cocaína está de volta como uma vingança… Celebridades não estão tentando escondê-lo, exceto quando as pessoas têm câmera nos celulares" e comenta que "eu sei de cinco pessoas que não estão hoje consumindo drogas, e eu sou uma delas". Fox também afirmou abertamente que ela apoia a legalização da maconha, dizendo "eu nem sequer penso nela como uma droga - deveria ser legalizada", e continua "quando o fizerem, eu vou ser a primeira pessoa a comprar um pacote", e "eu não posso te dizer quanta besteira falam porque eu disse abertamente que fumei maconha. As pessoas olham como se fosse loucura. E não é. Espero que a legalizem".
Em uma entrevista à revista GQ, Fox afirmou que quando tinha dezoito anos de idade, se apaixonou e procurou estabelecer uma relação com uma stripper. Fox utilizou a experiência para ilustrar a sua convicção de que, "todos os seres humanos são nascidos com a capacidade de serem atraídos por ambos os sexos". Em maio, 2009 Fox confirmou a sua bissexualidade. Em 15 de junho de 2009, na premiere de estreia de Transformers: A Vingança dos Derrotados no Reino Unido, Fox disse sentir atração por Cheryl Cole, e por suas tatuagens. Fox declarou em junho de 2009 que ela está interessada no cantor pop coreano Rain. Fox disse, quando estava no The Kyle and Jackie O Show que "há este coreano Justin Timberlake chamado Rain. E eu estou realmente nessa situação, agora, estou tentando consertar isso". Em uma entrevista à revista GQ Fox mostrou interesse em Olivia Wilde, dizendo, "eu poderia me ver em um relacionamento com uma garota - Olivia Wilde, ela é tão sexy que ela me faz querer estrangular uma montanha de bois com minhas próprias mãos. Ela é incrível".

Em junho de 2007, Fox foi lançado em um papel menor em Um Louco Apaixonado, estrelando junto com Jeff Bridges, Simon Pegg e Kirsten Dunst. Ela retratou "Sophie Maes", interesse amoroso de "Sidney Young" (Simon Pegg). O filme estreou em 3 de outubro de 2008. O filme foi um fracasso de bilheteria, fazendo apenas US$ 17 milhões a nível mundial contra os US$ 28 milhões de orçamento. Em 2008, juntamente com Rumer Willis, Fox apareceu como a personagem "Lost" no filme Whore. O filme gira em torno de um grupo de jovens adolescentes que vêm para Hollywood na esperança de conquistar uma carreira, no entanto descobrem que o negócio é mais difícil do que tinham imaginado. O filme foi lançado 20 de outubro de 2008.
Fox terá seu primeiro papel em um filme, atuando como a personagem-título em Jennifer's Body, escrito pela ganhadora do Oscar de Melhor Roteiro Original, Diablo Cody. Ela irá desempenhar "Jennifer Check", uma cheerleader amaldiçoada por uma possessão demoníaca. O filme foi lançado em 18 de setembro de 2009. Além de Fox, o filme conta também com Amanda Seyfried, Adam Brodye Kylle Gallner. Fox reprisou seu papel como Mikaela Banes na sequência de Transformers, Transformers: A Vingança dos Derrotados. Houve uma controvérsia em torno da aparência de Fox enquanto filmava o filme quando o diretor Michael Bay, ordenou a atriz que engordasse cerca de quatro quilos. Transformers: A Vingança dos Derrotados estreou em 8 de junho de 2009 em Tóquio, Japão. O filme foi lançado mundialmente em 24 de junho de 2009.
Em abril de 2009 Fox começou a filmar Jonah Hex, no qual retratou "Leila". Os atores Josh Brolin, Will Arnett, e Fox descreveram seus papéis no filme como sendo uma imitação. No início de abril de 2009 Fox assinou contrato para estrelar o filme The Crossing. O filme ainda está em pré-produção e deve ser lançado em 2011. O enredo central gira em torno de um jovem casal que cai tráfico de drogas durante suas férias no México. Em março de 2009, a Variety informou que Fox está definida para estrelar como o papel principal como Aspen Matthews na adaptação cinematográfica do gibi Fathom e que ela também irá co-produzir com Brian Austin Green. Fathom está atualmente em pré-produção. Megan também apareceu em cinco páginas, em novembro de 2005 na popular revista FHM e foi considerada a 68ª entre as "100 Mulheres Mais Sexy's" de 2006. Também posou em março de 2007 na mesma revista. Foi eleita a mulher mais sexy do mundo em 2008 pela revista FHM. Muitos a descrevem como a nova Angelina Jolie por suas várias semelhanças com a atriz. Megan também diz em uma entrevista para Beatriz Auauad, ser completamento do Cegê.

Foi novamente eleita a mulher mais sexy do mundo pela FHM de 2009.
Em 2010, participou do clipe Love the Way You Lie de Eminem com Rihanna, atuando com Dominic Monaghan.